Todos os Shriners são Maçons mas nem todos os Maçons são Shriners.

A Shriners International é uma divisão da Maçonaria, a mais antiga, maior e mais ampla fraternidade conhecida no mundo. A Maçonaria remonta há centenas de anos, quando pedreiros e outros artesãos se reuniam após o trabalho em casas de abrigo, ou lojas. Ao longo do tempo, os membros passaram a se organizar em confrarias maçônicas e as ferramentas de seu ofício – o esquadro e o compasso – tornaram-se o símbolo de sua fraternidade.

Ao longo do tempo, a Maçonaria evoluiu para uma organização que começou a aceitar membros que não eram artesãos. Hoje, a Maçonaria é construída sobre o alicerce da melhoria do caráter e do fortalecimento das comunidades, embora o esquadro e o compasso ainda sejam os símbolos da irmandade fraternal.

Quando a Shriners International foi fundada em 1872, a organização construída sobre os princípios que guiam a Maçonaria, adicionou um elemento de diversão e, por fim de filantropia, estabelecendo a Shriners International separadamente. As duas organizações são também estruturadas de forma similar:

  • Os Shriners têm os templos, a Maçonaria tem a Loja Azul ou a Loja de Ofício.
  • Os membros das lojas maçônicas são obrigados a estudar sobre sua fraternidade e recebem uma série de graus maçônicos.
  • Quando um membro completa o terceiro e último grau, ele se torna um mestre maçom e fica então elegível para se tornar um shriner.
  • Há cursos adicionais de estudo maçônico disponíveis – são conhecidos como o Rito Escocês e o Rito de York.

Para saber mais sobre como se tornar um maçom e um shriner visite www.beashrinernow.com.